Sabemos onde estamos, mas, com este Pobre País, não sabemos para onde vamos. Portugal, Alenquer, Desporto e fotos de viagens.

Links

Segunda-feira, 12 de Setembro de 2005

Alenquer a caminho das autárquicas - 23ª parte (de muitas)

AEROPORTO DA OTA

O Cabeça de lista à Assembleia Municipal de Alenquer da coligação Pela nossa terra já o tinha afirmado no debate da passada Terça-Feira. Não lhe dei muita importância pois entendi que o candidato estava um pouco deslocado, não conhecia a realidade do Concelho e com toda a certeza não sabia o que os Alenquerenses têm de "penar" para obter um simples licenciamento para construir uma garagem, e todos os demais problemas causados pelo impasse na decisão sobre o aeroporto da Ota.

Agora, ao ver que no Jornal d`Alenquer foi publicada noticia afirmando que o candidato da coligação à CM Alenquer defende igualmente um referendo, fiquei estarrecido. Se em Lisboa o candidado do Bloco de Esquerda já é conhecido como "candidato embargador", em Alenquer já temos uma "candidatura do impasse, da indecisão e da política referendária". Quando não se tem coragem de assumir uma posição, referenda-se.

Sugestões para outros referendos : Referendo à antiga fábrica da chemina, ao Rio de Alenquer, à Feira do Cavalo, ao teleférico Alenquer-Carregado, etc., etc., etc.

Como afirmou o Paulo Tomás em 28/04/2005, o que os Alenquerenses querem e precisam em relação ao aeroporto, não são referendos, apenas que tomem a merda de uma decisão.
Publicado por Francisco Martins às 00:27
Link do post | Comentar | Adicionar a favoritos
|
2 comentários:
De Anónimo a 13 de Setembro de 2005 às 00:01
Julgo que a melhor forma de analisar a legalidade e o vínculo do referendo, é analisando a lei, publiquei parte dela no http://sticadas.blogspot.com (http://sticadas.blogspot.com)Pedro Matos Pires
(http://sticadas.blogspot.com)
(mailto:pedromatospires@sapo.pt)
De Anónimo a 12 de Setembro de 2005 às 10:15
A proposta de um referendo local sobre o Aeroporto da OTA não pode, pelo impacte no concelho, ser comparada com um referendo sobre a Chemina ou a Feira do Cavalo.
Para além disso a Coligação Pela Nossa Terra assumiu, frontal e corajosamente, uma posição contrária ao Aeroporto da Ota. Há que estar mais atento. Não creio que a coligação pense fazer uma política plebiscitária, populista ou demagógica. Apenas quer dar oportunidade aos interessados de se expressarem sobre um tema que pode mudar, irreversivelmente, o futuro do concelho. Esse referendo abrirá, finalmente, o debate concelhio sobre o novo aeroporto. Basta de posições pessoais dos vereadores ou do Sr. Álvaro Pedro. Há que decidir e os Alenquerenses têm, certamente, interesse em pronunciar-se.
Luís Mendes
(http://www.netaddress.com)
(mailto:luis-mendes@usa.net)

Comentar post

------- ALENQUER - PORTUGAL ------- ----------- Francisco Martins ----------- ---------- as1403052@sapo.pt --------- ----------- Carlos J Ferreira ----------- --------- carlos@ferreira.com --------

Translate to

English

Agosto 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
13
14
19
20
26

Temas

alenquer

autocaravanismo

benfica

blogs

bulgaria

caricaturas

croacia

desporto

egipto

espanha

fotos

frança

grecia

humor

internacional

italia

livros

mulheres

nacional

nd

ota

pessoal

polonia

romenia

varios

todas as tags

Arquivos

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Posts recentes

Recantos

«tão importantes são os p...

5 - O cantinho Benfiquist...

A Insanidade ao seu mais ...

Confusão

Uma magnífica ideia para ...

É já depois de amanhã

Leste

4 - O Cantinho Benfiquist...

Setúbal não é a Rua Soeir...

webstat

mais sobre mim

blogs SAPO

subscrever feeds